fbpx
NOTAS ANALÍTICAS

As lições finlandesas sobre a crise européia

No final de julho, a agência de risco Moody’s modificou a classificação da Alemanha, Luxemburgo e Holanda, colocando estes três países, com a nota AAA, em perspectiva negativa – primeira etapa para o rebaixamento da nota de risco de crédito. Assim, a Finlândia torna-se o único país da “Zona do Euro” a apresentar uma nota triplo-A estável.

O país apresenta uma forte economia baseada, principalmente, nos setores de telecomunicações, metais, eletrônicos e silvicultura. Além disso, as exportações representam um terço de seu PIB. De acordo com o “Fundo Monetário Internacional” (FMI), estima-se que o país escandinavo irá obter neste ano cerca de 105 bilhões de euros, através de impostos e outras receitas, valor superior à dívida pública, cerca de 101 bilhões de euros.

 

Para a Agência, a Finlândia apresenta um sistema bancário limitado às fronteiras nacionais, favorecendo sua posição durante a crise – “exposição limitada e, portanto, relativo isolamento, da zona do euro, no que tange a transações”*. Diferentemente dos demais, o Governo finlandês exige o recebimento de garantias em troca de sua participação no resgate da “Zona do Euro”.

Para alguns analistas, o tratamento rígido com a recuperação da “Zona do Euro” e seu distanciamento financeiro com os demais países, seria o primeiro sinal a indicar a saída da Finlândia da “Zona do Euro”, com o objetivo de proteger sua economia.

———————

Fonte:

* Ver:

http://www.guardian.co.uk/business/2012/jul/24/finland-triple-aaa-rating-moodys-eurozone

About author

Mestrando em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (Usp); Bacharel em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (Puc-SP). Colaborador do Núcleo de Análise da Conjuntura Internacional (NACI) e do Núcleo de Estudos de Política, História e Cultura (Polithicult). Experiência profissional como consultor de negócios internacionais. Atua nas áreas de Política Internacional, Integração Europeia, Negócios Internacionais e Segurança Internacional. No CEIRI NEWSPAPER é o Coordenador do Grupo Europa.
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!