Agora nossos podcasts também estão no Spotify e Deezer. Em breve voltaremos  com os áudios! Para receber nossas atualizações em seu whatsapp clique no botão ao lado ou envie um whatsapp com seu nome, cidade/estado para 11 35682472

AMÉRICA LATINAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Bolívia, Colômbia, Equador e Peru realizam encontro de negócios

De 9 a 10 de maio (2018), a Comunidade Andina (CAN) realizou a sétima edição do Encontro Empresarial Andino, na cidade de Arequipa, no Peru, com a participação da Bolívia, Colômbia, Equador, Peru e da União Europeia como Bloco convidado.

O evento foi organizado pela Secretaria Geral da CAN em conjunto com as agências de promoção de exportações da Bolívia, Colômbia, Equador e Peru, países-membros da organização. Estimou-se um número de 500 participantes, incluindo compradores europeus e  exportadores dos 4 países, notadamente de micro, pequeno e médio portes dos setores de agroalimentos, manufaturas, moda e serviços. Pela primeira vez o setor de serviços teve a presença de empresas de software e indústrias criativas.

Marca do Encontro Empresarial Andino 2018

A CAN, que tem sede em Lima, no Peru, e foi criada em 1969,  tem por objetivo promover o desenvolvimento dos seus países-membros, por meio da integração e cooperação, facilitando o comércio intra-regional e a exportação para outros mercados. Em 2017 o Bloco exportou 99,57 bilhões de dólares para outros países, sendo que a União Europeia representa o segundo* destino mais importante, com 14,9% de participação no total exportado.

Os seis encontros anteriores foram realizados no Equador (2012 e 2016), Colômbia (2013 e 2017), Peru (2014) e Bolívia (2015), e contaram com a participação de quase 3 mil empresas, exportadores e importadoras, que geraram expectativas de negócios da ordem de 377 milhões de dólares. A partir da segunda edição (2013), a cada ano teve como convidados, respectivamente, Brasil, Chile, Espanha, Alemanha e União Europeia.

Na avaliação dos organizadores, as rodadas de negociação dos dois dias do evento foram exitosas porque se alcançou mais de 50 milhões de dólares em vendas, superando em mais de 50% os volumes de 2017 e 2016, que estiveram na casa dos 32 milhões.  O desempenho por setor foi liderado pela agroindústria (75%), seguido pelas manufaturas (13%) e depois pelos têxteis (9%). A participação por país apresentou Peru (46%) e Equador (25%) como os maiores geradores de negócios. Já está definido que o próximo encontro, em  2019, será realizado na Bolívia.

———————————————————————————————–

Nota:

O 1º destino são os Estados Unidos.

———————————————————————————————–

Fontes das Imagens:

Imagem 1 Encontro Empresarial Andino” (Fonte Foto do Facebook):

https://scontent.fssa17-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/32280212_1803282159694013_8135924074565074944_n.jpg?_nc_cat=0&oh=078469b7680e18c4168e90122fad1ebb&oe=5B76C040

Imagem 2 Marca do Encontro Empresarial Andino 2018” (Fonte):

https://scontent.fssa17-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/29425646_10155518905268727_3228922701934493696_n.jpg?_nc_cat=0&oh=0a1928951a9de4d5151d737ef52210f4&oe=5B8BAAA9

About author

Mestre e especialista em relações internacionais pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), especialista em Política e Estratégia pelo programa da ESG (UNEB, ADESG/BA), bacharel em Administração pela Universidade Católica do Salvador (UCSal). Consultor e palestrante de Comércio Exterior.
Related posts
DIPLOMACIA CORPORATIVANOTAS ANALÍTICASTecnologia

Amazon versus Amazônia: a disputa pelo domínio “.amazon”

AMÉRICA LATINACOOPERAÇÃO INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Polo de Acompanhamento a Políticas Climáticas é lançado no Caribe

ÁSIANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Vítimas de política de esterilização receberão indenizações do governo japonês

NOTAS ANALÍTICASORIENTE MÉDIOPOLÍTICA INTERNACIONAL

Perspectivas da política externa iraquiana: desafios e oportunidades

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá!
Powered by