fbpx
EURÁSIA

“Bombardeio” de ursinhos executado por empresa sueca derruba dois generais na Belarus (Bielorússia)

No início de julho, o presidente da Bielorrússia desde 1994, Alexander Lukashenko, demitiu dois de seus principais generais depois de um avião monomotor, pilotado por dois executivos de publicidade suecos, conseguir romper as defesas aéreas do país e “bombardeá-lo” com centenas de ursos de pelúcia de paraquedas com mensagens de apoio à liberdade de expressão em Belarus. O “ataque” foi organizado pelo grupo pró-democracia “Charter 97”* e pela agência de propaganda “Studio Total”**.

 

Após o evento, Lukashenko ordenou*** ao novo chefe da Segurança de Fronteira do país a usar armas para deter qualquer invasão aérea por estrangeiros. “Violações ilegais da fronteiras não serão toleradas. Elas devem ser barradas por todos os meios de força, incluindo armas, não importa as circunstâncias. Os seguranças de fronteira devem provar sua lealdade à sua terra”***, declarou Lukashenko, no dia 2 de agosto, ao dar posse ao novo chefe da Guarda, Alexander Boyechko.

O Presidente do país “atingido” alertou ainda que esta é uma questão que deve ser tratada seriamente, pois é um problema de segurança do país:  “Como explicar que uma aeronave de pequeno porte não apenas tenha cruzado nossas fronteiras como, impunemente, invadido o território da República de Belarus? É antes de tudo um problema de segurança para nossos cidadãos”****, ressaltou Lukashenko.

Considerada a “última ditadura da Europa”, a Belarus sofre com o cerceamento dos direitos civis há anos, repressão a mídia independente e aos opositores. Deve-se destacar de que além dos ursinhos, o governo tem sido atingido por sanções internacionais devido ao seu Regime.

—————————————

Fontes Consultadas:

* Ver:

http://charter97.org/en/news/

** Ver:

http://www.studiototal.se/

*** Ver:

http://g1.globo.com/mundo/noticia/2012/08/apos-ursos-de-pelucia-presidente-de-belarus-promete-barrar-invasao-tiro.html

**** Ver:

http://g1.globo.com/mundo/noticia/2012/08/generais-de-belarus-sao-demitidos-por-invasao-aerea-de-ursos-de-pelucia.html

Ver Também Vídeo do Ataque”:

http://www.youtube.com/watch?NR=1&v=7iTEs-tK944&feature=endscreen

   

About author

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).
Related posts
EURÁSIANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Poder da Sibéria: O mega-acordo energético entre Rússia e China

EURÁSIAEUROPANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Possíveis sanções norte-americanas ao Egito por compra de caças russos

ÁSIAEURÁSIANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Rússia e China na guerra da (des)informação

AMÉRICA DO NORTEEURÁSIANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONALTecnologia

Devido a sanções norte-americanas, Huawei irá ampliar participação na Rússia

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!