fbpx
NOTAS ANALÍTICAS

Brasil e Japão anunciam novo investimento ao “Programa ProSavana” em Moçambique

Presidente  da JICA Akihiko Tanaka (segundo da esquerda) visitando o ProSAVANA.No dia 2 de abril, a “Agência de Cooperação Internacional do Japão” (JICA) anunciou[1] oficialmente o novo projeto de assistência técnica de 9,4 milhões de euros ao “Programa de Cooperação Triangular para o Desenvolvimento Agrícola das Savanas Tropicais em Moçambique” (PROSAVANA).

De acordo com nota publicada em 2010[2] no “CEIRI NEWSPAPER” (CNP), especialistas brasileiros, japoneses e moçambicanos trabalharão para desenvolver este Projeto, estimando um resultado com benefícios mútuos. Para o Japão, ele é importante ao futuro das relações nipo-africanas, pois será uma forma de aproximar os japoneses da África. 

O Projeto desenvolvido em 12 distritos das províncias de Nampula, “Cabo Delgado” e Zambézia, no norte e centro de Moçambique, abrange cerca de 700 mil hectares de terra e visa promover uma agricultura empresarial, com um forte componente de transferência tecnológica.

O diretor assistente da JICA para a África Austral, Sakaguchi Kota, declarou: “Este ano vamos começar com um novo projeto de assistência técnica ao PROSAVANA na ordem de 12 milhões de dólares. Este montante junta-se aos anteriores 13 milhões de dólares já disponibilizados para este mesmo fim, totalizando 25 milhões de dólares[3].

Por outro lado, as organizações ambientais moçambicanas criticaram[1] o governo do país por ter negociado com investidores brasileiros a concessão dos 700 mil hectares de terra para o aproveitamento agrícola no norte do território, alegando o risco de expropriações de terras aos camponeses em Moçambique.

——————————————————–

Fonte da Imagem: http://www.jica.go.jp/english/news/press/2012/130225_01.html

——————————————————–

Fontes Consultadas:

[1] Ver:

http://www.africa21digital.com/conhecimento/ver/20031539-mocambique-participa-da-reuniao-no-japao-sobre-desenvolvimento-agricola

[2] Ver:

https://ceiri.news/index.php?option=com_content&view=article&id=1450:cooperacao-internacional-brasil-e-japao-irao-trabalhar-juntos-em-mocambique-o-foco-sera-a-agricultura&catid=94:notas-analiticas&Itemid=656

[3] Ver:

http://portuguese.ruvr.ru/2013_04_03/japao-presta-ajuda-tecnica-no-projeto-agricola-das-savanas-mocambicanas/

 

About author

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!