NOTAS ANALÍTICAS

Agência Brasileira de Cooperação lança catálogo sobre a Cooperação Técnica Brasileira na África

A Agência Brasileira de Cooperação lançou semana passada um catálogo da Cooperação Técnica do Brasil aos países africanos com o objetivo de demonstrar duas coisas: primeiro, que a Cooperação Sul-Sul vem aumentando sua importância na agenda diplomática brasileira; segundo, a imagem do Brasil como país também doador (além de receptor) da cooperação técnica.

NOTAS ANALÍTICAS

Barreiras protecionistas afetam fluxo do comércio internacional

Segundo dados da entidade Global Trade Alert (GTA), financiada pelo Banco Mundial (BM) e pelo governo britânico para monitorar a proliferação de medidas protecionistas pelo mundo, o Brasil está entre os países que mais sofreram com medidas protecionistas, sendo que dezessete medidas de onze países já foram adotadas e atingem produtos brasileiros.

A proliferação de medidas protecionistas tem sido uma das preocupações de todos os fóruns internacionais, em especial na Organização Mundial do Comércio (OMC) e Banco Mundial (BM) que prevê a redução do comércio em 10% neste ano, com probabilidade de ser maior se a proliferação de barreiras persistir. Analistas afirmam que o principal risco não está nas ações em um setor específico.

NOTAS ANALÍTICAS

Países do MERCOSUL assinarão manifesto apoiando presidente Zelaya

Nos dias 23 e 24 de julho, quinta e sexta-feira, será realizada em Assunção, Paraguai, (atual Presidente Semestral do MERCOSUL) a “37ª Reunião Ordinária do Conselho Mercado Comum (CMC) e da Cúpula de Presidentes do MERCOSUL (Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai) e Estados Associados”, (Bolívia, Chile, Equador e Venezuela, em fase de associação plena) para tratar de assuntos econômicos e políticos do Bloco, dentre eles questões financeiras, tarifária (busca de uma Tarifa Externa Comum para os países membros, que tem sido constantemente adiado) e a proposta que será feita pelo Brasil de adoção de moedas locais para as transações comerciais dentro dos países do Bloco Econômico, reproduzindo a experiência que tem sido feita entre Brasil e Argentina, com o uso tanto do Real (moeda brasileira) quanto do Peso (moeda argentina).

NOTAS ANALÍTICAS

China e Rússia acertam realização de exercícios militares conjuntos

O governo chinês anunciou que serão realizados exercícios militares conjuntos entre a China e a Rússia, visando preparação para o combate ao terrorismo. As operações militares terão a duração de cinco dias e serão bienais. Começarão no próximo dia 22 de julho, na província de Khabarovsk, distante 30 Km da fronteira chinesa.