NOTAS ANALÍTICAS

JICA, IBAMA E DPF coordenam esforços para o combate ao desmatamento ilegal na Amazônia

Ontem (18 de junho) chegaram ao Brasil três peritos japoneses que darão suporte ao início de um projeto que possibilitará o monitoramento de desmatamentos ilegais na Amazônia, mesmo quando coberta por nuvens, com a utilização do satélite japonês ALOS (Advanced Land Observing Satellite).

O ALOS foi lançado em 24 de janeiro de 2006 pela Agência Espacial Japonesa (JAXA), tendo como missão monitorar desastres naturais em todo o planeta, realizar o levantamento de recursos naturais e dar suporte à cartografia.

NOTAS ANALÍTICAS

Dívida do Equador com a Espanha é perdoada em troca de financiamento de projetos

Equador e Espanha firmaram em Quito convênios para o financiamento de projetos da segunda etapa do Programa de Cancelamento da Dívida Equador-Espanha. Esses Convênios são parte de um processo de perdão da dívida do Equador de 50 milhões de dólares com a Espanha.

Ao invés de transferir os recursos do total da dívida ao Governo Espanhol, nas negociações foram definidos que os recursos sejam caminhados para um fundo que é operado pela Corporação Andina de Fomento (CAF).

NOTAS ANALÍTICAS

Efeitos imediatos pós-anúncio de Obama da “radical” reforma financeira nos EUA

A mudança das regras no quadro norte-americano é total, e pode-se resumi-lo em maior intervenção na economia, regulamentação e proteção aos consumidores. Nesta conjuntura, analistas indicam menos riscos, porém, menos benefícios para o sistema financeiro.

A notícia teve seu efeito quase que imediato. Os investidores reagiram com cautela à reforma financeira anunciada por Barack Obama, qualificado-a como a maior reforma desde a Grande Depressão (1929).

NOTAS ANALÍTICAS

BID aprova segunda etapa de projeto alfandegário entre países Mesoamericanos

Neste mês de junho o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) aprovou a segunda etapa do projeto de implementação do Trânsito Alfandegário Internacional de Mercadoria (TIM, em sua sigla em espanhol) nas fronteiras de todos os países da Mesoamérica (que inicia, aproximadamente, desde o centro do México, e inclui Guatemala, El Salvador,  Honduras, Nicarágua e Costa Rica).

O TIM é baseado na utilização massiva de alta tecnologia, o que elimina a utilização de papéis na padronização dos procedimentos de controle das alfândegas e dos serviços sanitários e

NOTAS ANALÍTICAS

Organismo de Cooperação Financeira Alemã confirma a continuidade do crescimento da cooperação para o desenvolvimento

No início da década de 1960, o Banco Alemão KFW adicionou uma nova área em sua organização: Assistência aos Países em Desenvolvimento.  O objetivo é apoiar os países em desenvolvimento em nome do governo alemão. Inicialmente, o foco de seu trabalho foi sobre os grandes projetos de infra-estruturas, nos domínios do abastecimento de energia, transporte e irrigação. Acrescentou-se a isso o fornecimento de linhas de crédito aos bancos de desenvolvimento local, permitindo-lhes apoiar os projetos de investimento de seus clientes.

A partir de 1970 começou a assistência ao desenvolvimento, centrando-se em auxiliar os países em desenvolvimento para melhorar suas condições de vida econômica e social, com a construção de escolas, estações de saúde, entre outras atividades.

NOTAS ANALÍTICAS

27ª edição do Encontro Econômico Brasil-Alemanha (Vitória-ES)

De 30 de agosto a 1º de setembro deste ano, será realizada em Vitória-ES a 27ª edição do Encontro Econômico Brasil-Alemanha com novo formato e com oportunidades concretas de serem fechados negócios.

Os empresários têm a percepção de que os encontros, simpósios e demais eventos são importantes e bem articulados, mas não geram negócios diretamente. Levando em consideração esta visão, o Encontro Econômico Brasil-Alemanha, colocará a disposição um site na internet no qual os interessados poderão optar pela participação em rodadas de negócio e, no caso, já definir os parceiros que desejam encontrar.