fbpx
ÁFRICAAMÉRICA DO NORTENOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Choque de Coalizões a quatro anos das eleições no Quênia

Apesar das próximas eleições estarem marcada apenas para 2017, o partido Coalizão pela Reforma e Democracia (CORD, na sigla em inglês) marcou um comício no último sábado (31 de maio) com o líder do partido e Ex-Primeiro Ministro do Quênia, Raila Odinga[1]. Após viagem pelos Estados Unidos como palestrante, o retorno de Raila na última sexta-feira (30 de maio) causou relativo alvoroço na população[2]. A CORD tem demandado um diálogo nacional sobre insegurança e corrupção, em um prazo de 60 dias. De acordo com o líder, a paz e a economia do Quênia deve ser restaurada[3].

Em entrevista ainda na sexta-feira (30 de maio), o atual presidente queniano Uhuro Kenyatta chamou a atenção da CORD para trabalhar com seu Governo na melhoria do país, ao invés de iniciar um tipo de campanha eleitoral para 2017[4]. Contudo, nesse domingo (1o de junho), a coalizão Jubileu concordou em se reunir com a Oposição por um diálogo nacional, de forma a debater os problemas enfrentados pelo país. Apesar da posição pró-diálogo, Kenyatta excluiu a possibilidade de formar um Governo de coalizão, visto que o governo do Jubileu está fortemente no poder[5].

No plano histórico, as eleições de 2013 no Quênia foram marcadas por duas coalizões à Presidência: a CORD e o Jubileu. A CORD é até hoje liderada por Raila Odinga, que saiu derrotado nas eleições de 2013[6]. Do outro lado, o Jubileu apresentou como líder, Uhuro Kenyatta, vitorioso nas eleições e, atualmente, o Presidente do Quênia[7].

———————————————–

Imagem (Fonte):

http://2.bp.blogspot.com/-vVpfgPqYoU4/U39KuHiqn-I/AAAAAAAAAXc/aIJuaBwTkps/s1600/kenya-lgflag.gif

———————————————–

Fontes consultadas:

[1] Ver:

http://www.news24.co.ke/Politics/Raila-jets-back-to-Nairobi-from-US-20140531

[2] Ver:

http://www.nation.co.ke/news/politics/-/1064/2332606/-/y2ven3/-/index.html

[3] Ver:

http://www.standardmedia.co.ke/article/2000123143/raila-calls-for-national-dialogue-wants-iebc-disbanded/

[4] Ver:

http://www.news24.co.ke/Politics/President-Kenyatta-tells-CORD-to-wait-for-2017-20140531

[5] Ver:

http://www.news24.co.ke/Politics/Uhuru-Jubilee-is-ready-to-meet-with-CORD-for-dialogue-20140601;

Ver também:

http://www.standardmedia.co.ke/article/2000123282/you-are-welcome-to-share-ideas-but-not-government-uhuru-tells-opposition

[6] Ver:

http://softkenya.com/politics/cord-coalition-for-reforms-and-democracy-kenya/;

Ver também:

http://softkenya.com/railaodinga

[7] Ver:

http://softkenya.com/politics/jubilee-coalition-alliance-kenya/;

Ver também:

http://softkenya.com/uhurukenyatta/

 

About author

Mestre em Ciência Política na Universidade Federal de Pernambuco e graduado em Relações Internacionais na Universidade Estadual da Paraíba. Tem experiência como Pesquisador no Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) no projeto da Cooperação Brasileira para o Desenvolvimento Internacional (Cobradi). Foi representante brasileiro no Capacity-Building Programme on Learning South-South Cooperation oferecido pelo think-tank Research and Information System for Developing Countries (RIS), na Índia; digital advocate no World Humanitarian Summit; e voluntário online do Programa de Voluntariado das Nações Unidas (UNV) no projeto "Desarrollar contenido de opinión en redes sociales sobre los ODS". Atualmente, mestrando em Development Evaluation and Management na Universidade da Antuérpia (Bélgica) e Embaixador Online do UNV na Plataforma socialprotection.org.
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!