NOTAS ANALÍTICAS

BAD lança Estratégia de Associação com a Índia e causa forte reação chinesa

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Qin Gang, declarou que o Governo Chinês está insatisfeito com o Banco Asiático de Desenvolvimento (BAD), por ter adotado a “Estratégia de Associação de Países para a Índia (2009-2012)”, sem levar em consideração as preocupações chinesas.

Ressalta a irresponsabilidade de o BAD envolver no documento áreas que são disputadas entre a China e a Índia, e afirma que o dito documento não poderá mudar a existência das disputas territoriais entre esses países, nem a postura da China sobre este tema.

Também adverte que o BAD, como uma Agência de Desenvolvimento regional, não deve intervir em assuntos políticos de seus membros. O governo também ressalta que em termos de Cooperação para o Desenvolvimento, a China faz a sua parte e sempre apóia a instituição positivamente para ajudar os países em desenvolvimento, além de unir-se a outros países para desenvolver sócio-economicamente a região.  Afirma ainda que o BAD não tem competência para se engajar em tema trans-fronteiriço. China e Índia devem buscar uma solução razoável e aceitável mutuamente por meio de negociações.

 

 

About author

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).
Related posts
NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Sarampo causou a morte de mais de 140 mil pessoas em 2018

EUROPANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Tribunal considera ilegal a taxa cobrada pelo Governo britânico para a cidadania de crianças nascidas no país

Direito InternacionalNOTAS ANALÍTICAS

Estados se reúnem em conferência em Abu Dhabi sobre corrupção

ECONOMIA INTERNACIONALEUROPANOTAS ANALÍTICAS

A Reforma do Mercado de Terras na Ucrânia

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!
Powered by