AMÉRICA LATINANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Corte Internacional de Haia reconhece reivindicação da Bolívia para o acesso ao mar

A Corte Internacional de Haia reconheceu, na quinta-feira passada (dia 24), o direito da Bolívia reivindicar ao Chile o acesso ao mar. Anteriormente, o Tribunal havia rejeitado o recurso do Governo chileno, ao apontar a falta de competência da Corte em decidir sobre o caso.

É antigo o conflito entre a Bolívia e o Chile sobre o direito ao acesso dos bolivianos ao mar. Iniciado em 1879 com a Guerra do Pacífico, os dois países resolveriam esta disputa apenas em 1904 com o Tratado de Paz e Limites[1]. No entanto, aBolívia nunca se mostrou contente com o que foi decidido.

Para o presidente boliviano Evo Morales, a amizade com a presidente chilena Michele Bachelet será fundamental para a solução da disputa entre os dois países. O líder boliviano garantiu que as discussões serão, por parte da Bolívia, baseadas na humildade, serenidade e dignidade.

A presidente Michele Bachelet, por sua vez, argumentou que a decisão da Corte Internacional de Haia não garante vantagem alguma para a Bolívia, declarando também que adotará todas as medidas necessárias[2] para garantir a integridade do território chileno[2].  Por outro lado, a Bolívia recebeu com alegria a decisão da Corte Internacional de Haia, ocorrendo várias comemorações no país[3].

———————————————————————————————–

Imagem (Fonte):

http://www.comunicacion.gob.bo/?q=20150919/19313

———————————————————————————————–

Fontes Consultadas:

[1] Ver:

http://www.bbc.com/mundo/noticias/2015/09/150924_chile_bolivia_haya_acceso_mar_competencia_irm

 [2] Ver:

http://www.ebc.com.br/noticias/internacional/2015/09/corte-internacional-de-haia-reconhece-reivindicacao-boliviana-de

[3] Ver:

http://www.lanacion.com.ar/1830779-la-corte-de-la-haya-respaldo-a-bolivia-y-se-declaro-competente-para-tratar-la-disputa-de-chile-por-salida-al-mar

About author

Mestrando em Relações Internacionais pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU); Bacharel em Relações Internacionais pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e Pesquisador do Núcleo de Estudos e Pesquisa de Relações Internacionais da Universidade Federal de Uberlândia (NEPRI/UFU).
Related posts
ÁFRICANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Violência na República Centro Africana leva a novos deslocamentos da população

EUROPANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Partido governante da Rússia perde espaço no Parlamento de Moscou

AMÉRICA DO NORTEÁSIANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Fuzileiros navais americanos relembram Pequim das capacidades militares de Washington

AMÉRICA LATINAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

CEPAL lança livro sobre caminhos para o desenvolvimento brasileiro

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá!
Powered by