EUROPANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Cresce o número de refugiados ucranianos na Rússia

Konstantin Romodanovsky, Diretor do Serviço Federal de Migração da Rússia, declarou que cerca 60 mil ucranianos, provenientes de regiões ao sudeste da Ucrânia, entraram com pedidos, nos últimos dias, buscando asilo na Rússia. Ele afirmou que estes cidadãos ucranianos estão solicitando “status de refugiado ou abrigo temporário[1].

Na última segunda-feira, além de refugiados civis, um pouco mais de 400 militares da Ucrânia também solicitaram status de refugiados ao Serviço Federal de Segurança da Rússia (FSB). De acordo com o chefe de controle de fronteiras da FSB, Vasily Malaeyev, o país abriu um “corredor humanitário[2] para proteger ucranianos, civis e militares que estejam buscando refúgio no território russo.

O Diretor europeu do Escritório da Organização das Nações Unidas para Refugiados (Acnur), Vincent Cochetel, informou que cerca de 730 mil ucranianos migraram para a Rússia neste ano, devido aos conflitos no país[3]. Um número muito superior ao que foi divulgado pelo Serviço Federal de Migração da Rússia, demonstrando que muitos deles não entraram com pedidos formais.

Tendo em vista esta onda migratória de larga proporção, Romodanovsky declarou que as autoridades russas estão adaptando e melhorando o processo burocrático que envolve o processo e esperam diminuir o tempo de espera de três meses para somente três semanas. O Serviço Federal de Migração do país espera, ainda, 100 mil novas solicitações de asilo.

—————————————————————————

Imagem (Fonte):

http://www.themoscowtimes.com/upload/iblock/5b2/Refugees.jpg

—————————————————————————

Fontes consultadas:

[1] Ver:

http://en.ria.ru/russia/20140805/191748384/60000-Ukrainians-Seek-Asylum-in-Russia–Russian-Migration.html

[2] Ver:

http://en.ria.ru/world/20140804/191693665/Over-400-Ukrainian-Military-Personnel-Request-Refugee-Status-in.html

[3] Ver:

http://br.reuters.com/article/worldNews/idBRKBN0G513120140805

About author

Mestrando em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (Usp); Bacharel em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (Puc-SP). Colaborador do Núcleo de Análise da Conjuntura Internacional (NACI) e do Núcleo de Estudos de Política, História e Cultura (Polithicult). Experiência profissional como consultor de negócios internacionais. Atua nas áreas de Política Internacional, Integração Europeia, Negócios Internacionais e Segurança Internacional. No CEIRI NEWSPAPER é o Coordenador do Grupo Europa.
Related posts
AMÉRICA LATINANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Evo Morales e Rafael Correa fora das eleições na Bolívia e no Equador

NOTAS ANALÍTICASORIENTE MÉDIOPOLÍTICA INTERNACIONAL

Repressão à greve de professores aumenta preocupação com repressão na Jordânia

ÁSIACOOPERAÇÃO INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

China promete fornecer mais tropas para as operações de paz das Nações Unidas

AMÉRICA LATINAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Colômbia inaugura maior túnel latino-americano

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!