fbpx
DIPLOMACIA CORPORATIVANOTAS ANALÍTICAS

Criação de polo tecnológico em Cabo Verde

Durante o 12º Encontro de Empresários para a Cooperação Econômica e Comercial entre China e Países de Língua Portuguesa, realizada nos dias 20 e 21 de junho de 2018, em Portugal, a Cabo Verde TradeInvest (Agência de Promoção de Investimentos e Exportação) e a Macao Bringbuys Web Technology Co. Ltda. assinaram um memorando de entendimento. Ambas acordaram em desenvolver no arquipélago um polo tecnológico no continente africano, o qual abrangerá um centro de computação em nuvem e um centro de dados offshore*, e buscará atração de investimentos de empresas da área da Tecnologia da Informação e treinamento profissional.

Logo da Cabo Verde TradeInvest

Sob a perspectiva da presidente da Cabo Verde TradeInvest, Ana Barber, a participação da delegação cabo-verdiana de empresários ao Encontro possui um caráter positivo, no que diz respeito à captação de novos investidores do exterior. Neste sentido, Barber complementa que tais investimentos impactarão na geração de emprego e para estimular a economia do país.

O Encontro entre China e Países de Língua Portuguesa tem como objetivo fomentar o comércio entre o setor empresarial, por meio do desenvolvimento de processos de cooperação, parceria e promoção de investimentos. A iniciativa de aproximação surgiu em 2003, quando os chineses designaram a Região Administrativa Especial de Macau como sede das iniciativas para a ampliação das relações de cooperação econômica com os países lusófonos. Criou-se assim, o Fórum para a Cooperação Econômica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa (também conhecido como Fórum Macau), quando foi firmado acordo entre as Câmaras de Comércio dos Estados participantes (Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe, e Timor-Leste).

Cabe destacar que, previamente ao Encontro deste ano (2018), ações para expandir os entendimentos entre as nações também foram realizadas. No mês de abril, Cabo Verde recepcionou uma missão chinesa voltada para a avaliação dos impactos do Fórum Macau no arquipélago. Segundo o Representante cabo-verdiano no Fórum, Nuno Furtado, faz-se necessário adequar as perspectivas futuras e estratégias de cooperação. Igualmente, Barber compreende que a atuação estratégica da Cabo Verde TradeInvest gera a criação da sinergia entre o mercados cabo-verdiano e continental, estreitando os laços entre a comunidade lusófona.

———————————————————————————————–

Nota:

* Termo inglês que designa algo que é fora da costa, no exterior.

———————————————————————————————–

Fontes das Imagens:

Imagem 1 Bandeira de Cabo Verde” (Fonte):

http://mlb-s1-p.mlstatic.com/794528-MLB27461710563_052018-O.jpg

Imagem 2Logo da Cabo Verde TradeInvest” (Fonte):

https://mindelinsite.cv/wp-content/uploads/2017/07/CV-Trade-Logo.jpg

About author

Bacharela em Relações Internacionais pela Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA). Dentre as áreas de interesse encontram-se Cooperação Técnica Internacional e Segurança Internacional. Como colaboradora do CEIRI Newspaper escreve sobre o continente africano, mas especificamente os países de língua portuguesa.
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!