fbpx
NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

A Dinamarca e o novo tratamento contra o vírus HIV

A exposição à Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (SIDA, ou AIDS, Acquired Immunodeficiency Syndrome) na Dinamarca permaneceu estável por décadas. Atualmente, somente um pequeno grupo de 150 a 200 pessoas são infectadas ao ano no país escandinavo, entretanto, o Estado ruma para a erradicação do vírus, mediante o tratamento com profilaxia pré-exposição (PrEP).

A pílula é vista com expectativa pelo Conselho Nacional de Saúde dinamarquês, pois a possibilidade de redução de infecção em alguns casos chega a 99%, conforme noticiou o Jornal Politiken, o qual expõe a aprovação do novo medicamento nos Estados Unidos, Noruega, Suécia e França.

Medicamento antirretroviral – Truvada

O PrEP é tido como um complemento na preservação contra o Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH, ou HIV, human immunodeficiency virus), e é indicado aos homens que possuem relações com outros homens, devido a vulnerabilidade desse grupo.

O Jornal Copenhagen Post apresenta o êxito de Londres na questão, onde o medicamento já está disponível, com a diminuição de recém infectados chegando à margem de 80%. O Diretor do Fundo para a AIDS, Andreas Gylling Æbelø, é otimista quanto a pauta, e afirmou: “Podemos usar a PrEP de forma tão direcionada na Dinamarca, que temos uma excelente chance de quebrar a cadeia da infecção. Isso é bastante original. Em termos reais, significa que poderíamos ser o primeiro país do mundo que consegue deter a disseminação da infecção pelo HIV”.

Observa-se um avanço científico na situação, visto que novos tratamentos e métodos de preservação contra o flagelo do HIV são custosos aos Estados e indústrias farmacêuticas, os quais podem vir a se beneficiar do sucesso do PrEP. Entretanto, a medida, apesar de proveitosa, é paliativa, e não deve ser entendida como uma cura, e menos ainda como uma possível eliminação da doença.

———————————————————————————————–                    

Fontes das Imagens:

Imagem 1 Síndrome da Imunodeficiência Adquirida SIDA ou AIDS” (Fonte):

https://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%ADndrome_da_imunodefici%C3%AAncia_adquirida#/media/File:Red_Ribbon.svg

Imagem 2 Medicamento antirretroviral Truvada” (Fonte):

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/1/11/Truvada.JPG/640px-Truvada.JPG

About author

Mestre em Sociologia Política (2018) e Bacharel em Relações Internacionais (2014) pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro – IUPERJ vinculado a Universidade Cândido Mendes. Atualmente incorpora o quadro do CEIRI Newspaper, onde atua na qualidade de colaborador voluntário na produção de notas analíticas e conjunturais na área de política internacional europeia com ênfase nos Estados Nórdico-Bálticos e Rússia.
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!