fbpx
ESPORTENOTAS ANALÍTICAS

Fórum debate o esporte em ampla perspectiva

Realizou-se em 8 de abril de 2013, no “Centro de Convenções Sulamerica”, localizado na cidade do “Rio de Janeiro”, o “Forum Internacional Economia do Esporte”. Dentre alguns temas abordados, pode-se citar: “Perspectivas Econômicas do Esporte”; “Oportunidades dos Megaeventos Esportivos”; “Planejamento Estratégico para as Olimpíadas de 2016” e “Esporte e Inclusão Social”.

Para iniciar o Evento estava agendado o pronunciamento do ministro dos Esportes brasileiro Aldo Rebelo que dissertaria sobre as “Perspectivas Econômicas do Esporte”, mas ele não pode comparecer. Em seu lugar, apresentou-se o “Secretário Nacional de Futebol do Ministério dos Esportes”, Antônio Nascimento, que é ex-funcionário da “Rede Globo de Televisão”.

Ele ateve-se a enfatizar a importância de promover uma completa modernização na estrutura organizacional do futebol brasileiro, incluindo o calendário, de forma a alavancar a participação do futebol no “Produto Interno Bruto” (PIB) do país, a qual, segundo o Secretário, atinge reduzidos 0,2%.

O tema “Planejamento Estratégico para as Olimpíadas de 2016” foi apresentado em conjunto pela ex-atleta de voleibol e medalhista olímpica, Adriana Behar, e por Helbert Costa, ambos membros do “Comitê Olímpico Brasileiro” (COB). Abordaram a intenção do COB em transformar o país numa potência olímpica e a meta prevista de 30 medalhas a serem conquistadas pelo Brasil em 2016. Os palestrantes, no entanto, esquivaram-se dos questionamentos feitos acerca da precariedade da infraestrutura olímpica da cidade do “Rio de Janeiro”.

Coube a José Carlos Pinto, sócio da consultoria “Ernst & Young Terço”, abordar o tema “Oportunidades dos Megaeventos Esportivos”, o qual teve por foco uma análise do potencial de crescimento e desenvolvimento econômico com a consequente geração de empregos e a elevação do “Índice de Desenvolvimento Humano” (IDH) brasileiro, atrelados à realização da “Copa do Mundo de 2014” e das “Olimpíadas de 2016”.

Por último, mas não menos importante, Antônio Pedro Índio da Costa, “Secretário Municipal de Esportes do Rio de Janeiro”, foi o responsável pela apresentação do tema “Esporte e Inclusão Social”, tecendo inúmeras explanações sobre os benefícios de se utilizar o esporte como um percuciente vetor de inclusão social, principalmente em comunidades carentes e áreas marginalizadas.

————————————–

ImagemCartaz Fórum Internacional Economia do Esporte” (Fonte):

Foto tirada por Mário Joplin, Colaborador Voluntário doCEIRI NEWSPAPER”.

————————————–

Fonte consultada:

Reportagem realizada in loco por Mário Joplin

Enhanced by Zemanta

About author

Mestre em Relações Internacionais pela UERJ, Especialista em História das Relações Internacionais e Bacharel em Ciências Econômicas pela UFRJ. Possui experiência na área de Economia, com ênfase em Economia Política Internacional e Formação Econômica Brasileira. Foi bolsista de FAPERJ por um ano e Bolsista de Vocação para Diplomacia do Instituto Rio Branco (IRBr) por 4 (quatro) anos. Áreas de interesse: Esporte e Relações Internacionais; Diplomacia Futebolística; e Soft Power e Política Externa.
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!