fbpx
DIPLOMACIA CORPORATIVANOTAS ANALÍTICAS

Hannover Messe 2014 contribui para o desenvolvimento de uma Indústria Integrada

A principal Feira do mundo para a tecnologia industrial aconteceu em Hannover, Alemanha, entre os dias 7 e 11 de abril. O foco do Evento esteve voltado à importância crucial do desenvolvimento industrial, pois, para se manterem competitivas, as indústrias precisam fazer com que seus processos produtivos sejam mais eficientes e capazes de responder rapidamente às mudanças no mercado e, ao mesmo tempo, satisfazer às necessidades de cada cliente.

NaIndústria Integrada” os processos produtivos estão voltados para a flexibilização das operações e para sua implementação. Também para tecnologias visando sincronizar tais operações, como a automação, energia, o abastecimento industrial e P&D, interligando flexibilidade e eficiência industrial. Fazer a transição para o modelo flexível exigirá das empresas compartilhamento de informação e coordenação de forma padronizada, ou seja, um sistema padrão internacional que garanta compatibilidade com o software em todos os componentes, máquinas e fábricas que estão ligados em rede uns com os outros. 

Para os expositores, a Indústria Integradasinaliza o caminho a seguir no processo em curso de transformação do sistema de energia, tema que também estava em pauta na Feira. Neste processo, os passos estipulados são de melhorar e expandir a transmissão de energia e redes de dados; encontrar formas viáveis de substituição do atual sistema de energia, que se baseia em dezenas de estações de poder central, com um sistema descentralizado, compreendendo centenas de milhares de pequenas unidades de produção de gás natural, energia solar, eólica e biomassa.

——————–

Imagem (Fonte):
http://www.falandodefeiras.info/2011_02_01_archive.html

——————–

Fontes consultadas:

[1] Ver:

http://www.hannovermesse.de/

[2] Ver:

http://hanover.com.br/index.php/industria-integrada-os-proximos-passos/

About author

Mestranda em Desenvolvimento Regional pela UNISC, especialista em Negócios Internacionais pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), Especialista em Direito Internacional pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e Bacharel em Relações Internacionais pelo Centro Universitario Unilasalle . Atualmente, é professora e coordenadora do curso Técnico em Logística e do curso de Bacharelado em Administração na Faculdade Dom Alberto, e professora do curso de Logística, Comércio Exterior e Marketing pela Escola Ômega. Prepara-se para lançar os livros de Gestão de Compras, Gestão de Produção e Negócios Internacionais pela Acesso Digital. Atuou durante 10 anos como analista de importação e exportação em empresas privadas, e trabalha com consultoria na área de logística e negócios internacionais.
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!