NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Imortalidade será realidade em 20 anos, afirma “Diretor do Google”

A imortalidade não é uma realidade, mas, à medida que a tecnologia evolui, esta possibilidade torna-se mais próxima, declarou[1] o “Diretor de Engenharia do Google”, Ray Kurzweil, no “Congresso Internacional Futuro Global 2045[2] (“Global Future 2045 World Congress”) realizado nos dias 15 e 16 de junho em “Nova York”.

Kurzweil ressalta que provavelmente em menos de 15 anos observaremos um grande avanço na medicina e, obviamente, esse avanço ampliará a expectativa de vida dos seres humanos. O diretor acredita que em breve será possível reprogramar células para se recuperarem de doenças e até mesmo gerar tecido humano em impressoras 3D.

O “Diretor de Engenharia do Google não é o único a esperar que a tecnologia traga a imortalidade para os seres humanos. No mesmo evento, o multimilionário russo Dmitry Itskov* está buscando investidores para financiar a pesquisa para uma tecnologia que pretende tornar possível a vida eterna[3], transferindo a consciência humana de uma forma artificial em avatares (corpos robóticos). O projeto prevê a produção em massa de avatares de baixo custo e aparência humana onde seria possível carregar o conteúdo de um cérebro humano, incluindo todos os detalhes específicos de consciência e de personalidade.

————————————————

* Itskov é o fundador da “Iniciativa de 2045”, uma organização sem fins lucrativos focada na criação de um centro de pesquisa internacional, onde os cientistas vão pesquisar e desenvolver tecnologias para tornar possível a vida eterna.

————————————————

[1] Ver:

http://www.cnbc.com/id/100818858

[2] Ver:

http://gf2045.com/

[3] Ver:

http://www.cnbc.com/id/100559031

About author

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!