fbpx
NOTAS ANALÍTICAS

“JAC Motors” se preparando para brigar no mercado automobilístico brasileiro

A “JAC Motors” está melhorando sua mobilidade para assumir definitivamente uma posição em destaque nas vendas automobilísticas no mercado brasileiro. A fábrica da montadora chinesa já está com sua fábrica sendo construída no estado da Bahia, fechando acordos com cerca de 400 fornecedores e o “Porto de Salvador” será fundamental para a estratégia a ser adotada.

 

O presidente da empresa no Brasil, Sérgio Habib, já comunicou à imprensa brasileira que precisará dos 400 fornecedores para dar suporte à montadora, sendo que estes poderão vir da China para se instalar no país ou serem fornecedores brasileiros, porém, ainda não foram fechados acordos com nenhum eles. Com essa possibilidade, a empresa conseguirá uma incorporação nacional de 65%, estando isenta de impostos de importação, como os que existem hoje.

Já se projetando para realizar as metas futuras, a “JAC Motors” passou a utilizar o “Porto de Salvador” como base de suas importações. Pelo fato de sua fábrica estar localizada no estado da Bahia, o Porto da capital será mais adequado para a estratégia da empresa, já que, com todas as operações centralizadas neste estado brasileiro, o processo logístico será simplificado, mais eficiente e mais eficaz, contribuindo para a contenção de gastos desnecessários.

————

Fontes:

VerFolha”:

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/1093625-jac-motors-troca-porto-de-vitoria-por-de-salvador.shtml

Ver também:

http://www.correio24horas.com.br/noticias/detalhes/detalhes-3/artigo/fabrica-da-jac-motors-precisara-de-400-fornecedores-na-bahia/


About author

Bacharel em Relações Internacionais (2009) e técnico em Negociações Internacionais (2007) pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM). Atua na área de Política Econômica com foco nos países do sudeste e leste asiático, sendo referência em questões relacionadas a China. É membro da Júnior Chamber International Brasil-China, promovendo as relações sócio-culturais sino-brasileiras em São Paulo e Articulista da Revista da Câmara de Comércio BRICS. Também atuou como Consultor de Câmbio no Grupo Confidence. Atualmente trabalha como repórter fotográfico.
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!