fbpx

A “República Popular Democrática da Coreia” (RPDC) e a “Coreia do Sul” acertaram detalhes para reabrir o “Parque Industrial de Kaesong”. Após cinco meses fechado, devido a atritos diplomáticos e militares entre os dois países, no próximo dia 16 de setembro os trabalhadores e empresas que operam dentro do complexo poderão voltar a sua rotina anterior.

Uma equipe sul-coreana está analisando toda a estrutura do Complexo para avaliar se haverá ou não a necessidade de restaurar os equipamentos que estavam paralisados. De acordo com alguns técnicos, o parque poderá voltar a operar gradativamente, sendo assim, não irá trabalhar imediatamente com 100% de sua capacidade, aguardando pequenas manutenções para que tudo volte a ser como a cinco meses.

Com a sua reabertura, a segurança dentro do local será diferenciada. Ambas as Coreias estão finalizando um acordo sobre a segurança dos trabalhadores, para preservá-los em caso de imprevistos em suas relações diplomáticas e militares. As grandes potências vêem com bom grado essa ação, mas ainda observarão Pyongyang com cautela.

————————-

Fontes consultadas:

Ver:

http://spanish.yonhapnews.co.kr/national/2013/09/11/0300000000ASP20130911000200883.HTML

Ver:

http://portuguese.cri.cn/1721/2013/09/11/1s172322.htm

About author

Bacharel em Relações Internacionais (2009) e técnico em Negociações Internacionais (2007) pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM). Atua na área de Política Econômica com foco nos países do sudeste e leste asiático, sendo referência em questões relacionadas a China. É membro da Júnior Chamber International Brasil-China, promovendo as relações sócio-culturais sino-brasileiras em São Paulo e Articulista da Revista da Câmara de Comércio BRICS. Também atuou como Consultor de Câmbio no Grupo Confidence. Atualmente trabalha como repórter fotográfico.
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!