fbpx
AMÉRICA LATINANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Mesmo com anúncio de diálogo, as posições são mantidas na Venezuela

Apesar de terem sidos buscados canais de diálogo entre o Governo venezuelano e a Oposição, as posições estão sendo mantidas, tendendo a confirmar o cenário pessimista que significativa parcela de analistas internacionais tem apontado para o país.

Ontem, segunda-feira, dia 2 de junho, o presidente Nicolás Maduro declarou publicamente que participou de reunião com os opositores da Mesa de Unidade Democrática (MUD), mas apontou que não se chegou a acordo, acusando-os de terem exigido ocupação de cargos públicos para darem continuidade as negociações políticas. Acusou:  “Yo los llamo al diálogo y ellos dicen: ‘Diálogo con resultados’. A pedir cargos… (…). …el tiempo de pactos con la burguesía ya pasó[1].

Ou seja, não dará continuidade às negociações, uma vez que, segundo ele, esta é uma prática que Hugo Chávez rompeu, pois, segundo afirma, era o molde tradicional de fazer política, o qual se preocupava apenas com os interesses materiais. Em suas palavras, Hugo Chávez “rompió los moldes de la forma tradicional, de los intereses materiales[1].

Observadores interpretam que esta foi a justificativa para manter os procedimentos adotados até o momento, que se caracteriza por evitar o diálogo e manter o confronto contra a Oposição, pois ele acredita que o caminho a ser seguido é a aceleração da implantação do socialismo[2], impedindo a construção de espaço para os opositores reconstruírem instituições, uma vez que, com a conclusão dos processos de estatização da economia, controle da mídia, complementação do aparelhamento do Estado pelo Partido, bem como com a tutela da sociedade, dificilmente se poderá realizar quaisquer mudanças estruturais no país sem que isso afete a totalidade da sociedade, gerando um confronto civil, algo que provaria a tese da inevitabilidade de uma guerra civil no caso de uma mudança de regime político, bem como a hipótese de que a Oposição deseja este tipo de confronto na Venezuela.                           

———————————————–

Imagem (Fonte):

 wikipedia

———————————————–

Fontes consultadas:

[1] Ver:

http://www.europapress.es/internacional/noticia-maduro-acusa-mud-condicionar-dialogo-entrega-cargos-miembros-20140602232612.html;

Ver ainda:

http://www.ultimasnoticias.com.ve/noticias/actualidad/politica/maduro-yo-los-llamo-a-dialogo-y-ellos-van-a-pedir-.aspx

Ver ainda (Vídeo):

http://www.eluniversal.com/nacional-y-politica/140602/maduro-afirmo769-que-la-oposicio769n-es-un-mal-ejemplo-para-el-pai769

[2] Ver:

http://www.elperiodiquito.com/article/156017/Maduro–Sistema-de-Misiones-orientara-desarrollo-del-nuevo-modelo-socialista

———————————————–

Ver também:

http://www.universocanario.com/internacional/venezuela/golpe-de-estado/protestas-contra-maduro/333088

Ver também:

http://elvenezolanonews.com/marcha-en-caracas-estudiantes-y-sociedad-retoman-las-calles-contra-nicolas-maduro/

Ver também:

http://www.eluniversal.com/opinion/140601/el-curioso-golpe-de-estado-de-maduro

Ver também:

http://www.frontera.info/EdicionEnLinea/Notas/Internacional/31052014/847694-Maduro-dice-enfrentar-derecha-magnicida.html

About author

É Fundador do CEIRI NEWSPAPER. Doutor e Mestre em Ciência Política pela Universidade em São Paulo e Bacharel em Filosofia pela USP, tendo se dedicado à Filosofia da Ciência. É Sócio-Fundador do CEIRI. Foi professor universitário por mais de 15 anos, tendo ministrado aulas de várias disciplinas de humanas, especialmente da área de Relações Internacionais. Exerceu cargos de professor, assessor de diretoria, coordenador de cursos e de projetos, e diretor de cursos em várias Faculdades. Foi fundador do Grupo de Estudos de Paz da PUC/RS, do qual foi pesquisador até o final de 2006. É palestrante da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra (ADESG-RS), tendo exercido também os cargos de Diretor de Cursos e Diretor do CEPE/CEPEG da ADESG de Porto Alegre. Foi Articulista do Broadcast da Agência Estado e do AE Mercado (Política Internacional), tendo dado assessoria para várias redes de jornal e TV pelo Brasil, destacando-se as atuações semanais realizadas a BAND/RS, na RBS/RS e TVCOM (Globo); na Guaíba (Record), Rádioweb; Cultura RS; dentre vários jornais, revistas e Tvs pelo Brasil. Trabalhou com assessoria e consultoria no Congresso Nacional entre 2011 e 2017. É autor de livros sobre o Pensamento Militar Brasileiro, de artigos em Teoria das Relações Internacionais e em Política Internacional. Ministra cursos e palestra pelo Brasil e no exterior sobre temas das relações internacionais e sobre o sistema político brasileiro.
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!