fbpx
ESPORTENOTAS ANALÍTICAS

O Futebol como ferramenta de promoção comercial para o Brasil

Segundo o noticiado no último dia 15 deste mês, no “Portal da Copa”, a “Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos” (Apex-Brasil) será a responsável pela vinda de uma grande quantidade de empresários estrangeiros, provenientes de mais de 70 (setenta) países, para assistirem a “Copa das Confederações” – que se realizará no período de 15 a 30 de junho de 2013 – e conhecerem diversos produtos e serviços brasileiros, no intuito de impulsionar uma intensa agenda de negócios entre estes empresários e entidades setoriais brasileiras.

Cumpre registrar que esta iniciativa faz parte do acordo assinado, em 2012, entre a Apex-Brasil e a “Federação Internacional de Futebol Associado” (FIFA), com abrangência em todo o território nacional, que visa, durante a “Copa das Confederações de 2013 e a Copa do Mundo de 2014”, ampliar as oportunidades de negócios das empresas brasileiras e atrair investimentos estrangeiros diretos para o Brasil, mediante a utilização do futebol como protagonista da plataforma de negócios da Apex-Brasil.

Atualmente, este Projeto conta com 57 (cinquenta e sete) entidades setoriais parceiras, sendo que cada uma destas tem o direito de convidar empresários estrangeiros para visitarem o país durante a “Copa das Confederações”, convite este que inclui ingressos para as partidas do torneio e, sobretudo, o cumprimento de uma agenda que tem por objetivo divulgar produtos e serviços nacionais, cabendo ressaltar que tais convidados são sugeridos pelas entidades e passam por uma aprovação prévia da Apex-Brasil. Até a presente data, já havia sido confirmada a presença de 871 empresários estrangeiros e a previsão é de que estas visitas possam render negócios e investimentos da ordem de 1,1 bilhão de dólares no prazo de um ano após a competição.

No entender do presidente da Apex-Brasil, Maurício Borges, estas ações de promoção comercial a serem realizadas na “Copa das Confederações” – e, posteriormente, também na “Copa do Mundo de 2014” – representam oportunidades únicas de mostrar ao mundo um país inovador, capaz de organizar megaeventos e desenvolver produtos e serviços de alto valor agregado e design diferenciado.

Outrossim, para Thierry Weil, diretor de Marketing da FIFA, a “Copa das Confederações” – bem como a “Copa do Mundo de 2014” – será a plataforma ideal para posicionar o Brasil como um relevante e atraente destino de negócios.

—————————————

ImagemO Futebol a Serviço do Brasil” (Fonte):

https://ceiri.news/wp-content/uploads/2013/05/tabela-da-copa-das-confederacoes-ac2839.jpg

—————————————-

Fontes consultadas:

Ver:

http://www.copa2014.gov.br/

Ver:

www.apexbrasil.com.br

About author

Mestre em Relações Internacionais pela UERJ, Especialista em História das Relações Internacionais e Bacharel em Ciências Econômicas pela UFRJ. Possui experiência na área de Economia, com ênfase em Economia Política Internacional e Formação Econômica Brasileira. Foi bolsista de FAPERJ por um ano e Bolsista de Vocação para Diplomacia do Instituto Rio Branco (IRBr) por 4 (quatro) anos. Áreas de interesse: Esporte e Relações Internacionais; Diplomacia Futebolística; e Soft Power e Política Externa.
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!