fbpx
AMÉRICA LATINANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Plano Pistola: notícias falsas contra a Paz na Colômbia

Um dia após a morte do número dois na linha hierárquica do Clã do Golfo*, Sr. Roberto Vargas, mais conhecido como “Gavilán”, foi distribuído um panfleto anunciando o Plano Pistola, que consiste no assassinato de agentes públicos de segurança colombianos: “Qualquer integrante da Polícia Nacional da Colômbia que se encontre nas ruas, temos a ordem de dar-lhe baixa”.

Logo em seguida, anunciam o seu plano: “A partir de 1o de setembro de 2017, às 00:00 horas, estende-se por toda a Colômbia o chamado ‘Plan Pistola’ contra os integrantes da Polícia Nacional da Colômbia”. Em seu twitter o grupo originalmente chamado de Autodefesas Gaitanistas da Colômbia afirmou que o material de divulgação deste suposto plano era falso. Afirmaram: “Comunicados falsos atribuídos aos inimigos da paz e da concórdia entre os colombianos. Apesar da nossa dor, seguimos em frente”.

Tropas das Autodefesa Gaitanistas da Colômbia em exercício militar

Em 20 de setembro de 2017, o periódico Semana publicou reportagem com a manchete “El sanguinario plan pistola del Clan del Golfo”, na qual é destacado um vídeo do ataque à policiais, supostamente, atribuído a este grupo. A reportagem afirma que os ataques ocorrem desde 3 de maio. Nesta data foi iniciada pelo clã uma ofensiva que se estendeu por 10 Departamentos e que deixou 10 policiais mortos.

Em 13 de maio jogaram uma granada contra a estação policial de El barrio Olaya Herrera em Cartagena, que deixou quatro feridos. Isto é o que afirma a imprensa colombiana. No twitter da Autodefesas Gaitanistas da Colômbia é comum a publicação de comunicados oficiais com o carimbo: “FALSO”.

Dentre estes existem um comunicado que estabelece um toque de recolher. “Os grupos de autodefesa na Gaitanista da Colômbia, tendo em vista que a população é forçada a agir pela força, se crianças, mães, pais, maridos e esposas se enquadram no meio do fogo cruzado. Nós não queremos ver gato ou cachorro após as 9 da noite, não queremos ver nada nas ruas”. Ao final, menciona o termo “A limpeza acaba de começar”. Logo acima da foto do comunicado oficial está escrito: “Este panfleto que está circulando é FALSO. Nunca escrevemos um comunicado onde se prega a limpeza social”.

A Autodefesas Gaitanistas da Colômbia em seu nome homenageia Jorge Eliécer Gaitán, o qual consideram um líder “autenticamente popular”. Em seu site observamos o estatuto de constituição e regime disciplinar. Esclarecem que estão em uma ação defensiva contra a presença de qualquer grupo que avance em sua área de influência.

No preâmbulo, afirma-se: “A única maneira de preservar os presentes mais preciosos, como a VIDA, a LIBERDADE, a DIGNIDADE, entre outros direitos dos cidadãos é continuar nossa luta armada. Estamos em uma atitude defensiva e continuaremos a contrariar a presença de grupos que geram violência nas áreas de influência geopolítica da Organização”.

Em 5 de setembro de 2017, o Comandante da Autodefesas Gaitanistas da Colômbia, Dairo Usuga, divulgou um vídeo para o Papa Francisco na qual afirma que está na luta faz 30 anos e considera que a única saída para a paz é o diálogo e pede a intervenção do Pontífice.

Ao que tudo indica a Colômbia vive uma guerra de informação. Estes comunicados “falsos” levam a questionar sobre o que está acorrendo realmente. Por outro lado, grupos como a AGC mostram que os conflitos estão longe de terminar, pois a paz não solucionará em definitivo as mazelas sociais no país e se deseja uma outra paz.

———————————————————————————————–                    

Notas:

* Clã do Golfo:  é um grupo narcoparamilitar colombiano, que forma parte do conflito no país. Anteriormente era conhecido como Clan Úsuga, Los Urabeños, Bloque Héroes de Castaño y Autodefensas Gaitanistas de Colombia (AGC).

———————————————————————————————–                    

Fontes das Imagens:

Imagem 1Montagem do autor: Jorge Gaitán, comunicado falso’, manifestação pela paz e Comandante da AGC, Sr. Dairo Usuga” (Fonte):

https://twitter.com/gaitanistascol?ref_src=twsrc%5Etfw&ref_url=http%3A%2F%2Fautodefensasgaitanistasdecolombia.org%2Fagc2%2Findex.php%2F32-uncategorised%2F146-el-pueblo-rinde-honores-a-nuestro-comandante

Imagem 2 Tropas das Autodefesa Gaitanistas da Colômbia em exercício militar” (Fonte):

https://www.youtube.com/watch?v=DV5ItMlmRUM

About author

É doutor em Ciências Sociais pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da Faculdade de Ciências e letras da UNESP - Araraquara - SP. É Mestre em História desde o ano de 2003 pelo programa de Pós - Graduação em História da UNESP de Franca/SP, atuando principalmente nos seguintes temas: História, política, democracia, militarismo, segurança, defesa e Relações Internacionais. Membro do Grupo de Pesquisas sobre História Política e Estratégia - GEHPE-UFMS e do Núcleo de Pesquisas sobre o Pacífico e Amazônia - NPPA (FCLAr UNESP). É professor de História da América da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul - UFMS - campus de Coxim/MS
Related posts
ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Fundo Monetário Internacional estima crescimento da economia chinesa em quase 2%, contrariando tendência mundial

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Conselho Europeu se reúne para tratar de ação conjunta europeia para combater a COVID-19

NOTAS ANALÍTICASPARADIPLOMACIA

As cidades mais caras da América Latina

NOTAS ANALÍTICASPOLÍTICAS PÚBLICASSAÚDE

Resposta à COVID-19 nas Américas pode sofrer transformação a partir de novos testes rápidos

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!