ECONOMIA INTERNACIONALEURÁSIANOTAS ANALÍTICAS

Semana Russa de Energia traz prospectos positivos para o país

A Semana Russa de Energia (Russian Energy Week) aconteceu entre os dias 5 e 9 de Outubro de 2019, em Moscou, e contou com número recorde de participantes. De acordo com Caspian News, o evento reuniu mais de 10.000 representantes de 200 companhias e 80 países, e uma série de acordos foram firmados.

O fórum internacional foi organizado pelo Ministério da Energia da Federação Russa e a Fundação Roscongress, com apoio do Governo de Moscou. O carro-chefe entre os mais de 70 eventos apresentados foi o painel “Parcerias de Energia para o Crescimento Sustentável”, presidido pelo presidente Vladimir Putin. Em seu discurso, no dia de abertura do fórum, Putin destacou o importante papel da Rússia nas cadeias de distribuição de energia no mercado global e salientou a preocupação compartilhada dos participantes em “cooperar e construir confiança” e “aplicar todos os meios possíveis para equilibrar as necessidades do mercado”, com interesses coletivos, como a segurança energética e o meio ambiente.

Principais fornecedores de gás natural para a Europa entre 2010-2017

A Rússia é um dos maiores produtores globais de energia (em especial, gás natural), e a presença do presidente Putin enfatiza seu compromisso de investimento no setor energético como principal fonte de rendimento do país. Após a crise na Ucrânia em 2014 e os recorrentes impasses com Bruxelas, a Federação Russa bifurcou o foco energético para o mercado asiático. De acordo com o presidente do conselho da Gazprom, Viktor Zubcov, o mercado de gás da China poderá ser, logo, equiparável ao da Europa.  

Dois novos gasodutos – Nord Stream 2 e TurkStream – estão a ser lançados para o mercado europeu, com uma projeção de entrega de 86,5 bilhões de metros cúbicos adicionais anualmente. Ainda, recentes sanções de Washington contra a Venezuela e o Irão redirecionaram os clientes desses países ao petróleo russo, e as consequências da guerra comercial entre Estados Unidos e China contribuem para a aproximação de companhias de energia chinesas e a Rússia.

Putin na Reunião Plenária da Semana Russa de Energia

Todos estes fatores e a crescente demanda do mundo desenvolvido por energias renováveis reforçam o importante papel da Rússia nesse setor. Durante o evento, o presidente Putin disse que continuará a abordar o comércio de energia com a Europa de maneira profissional, contudo, enfatizou que o país levará seus negócios para outros mercados caso a Europa siga “mantendo a energia refém de diferenças políticas”.

———————————————————————————————–

Fontes das Imagens:

Imagem 1 Reunião Plenária da Semana Russa de Energia” (Fonte): http://en.kremlin.ru/events/president/news/61704/photos/61160

Imagem 2 Principais fornecedores de gás natural para a Europa entre 20102017” (Fonte U.S. Energy Information Administration Europe natural gas supply composition / 20102017, Public Domain): https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=73862747

Imagem 3 Putin na Reunião Plenária da Semana Russa de Energia” (Fonte): http://en.kremlin.ru/events/president/news/61704/photos/61158

About author

Mestranda em Estudos Internacionais no Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL), Bacharel em Direito pela Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo. Foi delegada brasileira da Juventude na 16ª Cúpula de Prêmios Nobel da Paz. Morou na Irlanda, certificou-se professora de inglês, e mudou-se para Lisboa, onde estagiou para o Instituto para Promoção da América Latina e Caribe e trabalhou para a Wall Street English. Áreas de interesse são sustentabilidade, policy-making, peacekeeping, intel e pesquisa.
Related posts
Direito InternacionalNOTAS ANALÍTICAS

ONU anuncia manter proteção a civis aos 10 anos da guerra na Síria

ÁFRICANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Governo do Sudão compensa vítimas do ataque terrorista ao USS Cole

ÁSIAECONOMIA INTERNACIONALNOTAS ANALÍTICAS

Manufatura chinesa registra maior queda desde 2009 devido ao coronavírus

EUROPANOTAS ANALÍTICASPOLÍTICA INTERNACIONAL

Brexit, continuação do processo

Receba nossa Newsletter

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá!
Powered by